quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

Portugal & Estado Novo - Ultramar - !ENTREVISTAS' (1960 / 1966), de Oliveira Salazar - Coimbra 1967 - MUITO RARO;



Portugal & Estado Novo - Ultramar - Obra histórica de António de Oliveira Salazar, o símbolo da ditadura de 1928 a 1974



'ENTREVISTAS' (1960 / 1966)
De Oliveira Salazar
Coimbra Editora Limitada
Coimbra 1967

Com 247 páginas. Amarelecido. Nunca foi lido ou manuseado. Toda a obra com as páginas por 'abrir'.
Em excelente estado de conservação.
De muito, m Difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.



Do ÍNDICE:

I - Entrevista ao jornal 'EXCELSIOR', da cidade do México;

II - Ao jornal 'CORRIERE DELLA SERA';

III - Entrevista ao jornal 'THE NEW YORK TIMES', de Nova Iorque;

IV - Entrevista concedida à cadeia de jornais da HEARST HEADLINE dos Estado Unidos da América;

V - Entrevista ao 'LE FIGARO';

VI - Entrevista concedida Á revista 'LIFE', de Nova Iorque;

VII - Entrevista ao 'IL TEMPO', de Roma;

VIII - Entrevista ao semanário 'US NEWS AND WORLD REPORT', de Nova Iorque;

IX - Entrevista concedida á cadeia de jornalistas SOUTHAM, do Canadá;

X - Entrevista ao jornal inglês 'THE CATHOLIC HERALD';

XI - Entrevista ao semanário francês 'JOURS DE FRANCE';

XII - Entrevista ao jornal 'THE NEW YORK TIMES', de Nova Iorque;

XIII - Entrevista ao jornal 'CHICAGO TRIBUNE', de Chicago;

XIV - Entrevista ao jornal 'LE FIGARO';




Preço: 90,00€;

Ultramar & Colonialismo - 'PRONTVÁRIO DE MOEDA DE ANGOLA', de Virgílio Ferreira - Luanda 1967 - MUITO RARO;





Ultramar & Colonialismo - A moeda cunhada e corrente em uso na ex-colónia portuguesa de Angola


'PRONTVÁRIO DE MOEDA DE ANGOLA'
De Virgílio Ferreira
Edição CITA (Centro de Informação e Turismo de Angola)
Luanda 1967


Livro com 000 páginas, muito ilustrado e em excelente estado de conservação.
De muito difícil loclocalização.
MUITO RARO;



DO ÍNDICE:

Dedicatória
Axiluanda
Advertência
Introdução
'Handas' por Octávio de Oliveira
Ongondo, argolas de cobre

DOCUMENTOS NUMISMÁTICOS
- Primeiras tentativas para a emissão da moeda
- Trechos da carta régia a Paulo Dias de Novais
- Auto sobre a conhagem da moeda de 26/01/649
- Consulta do Conselho Ultramarino de 18/08/649
- Carta régia de 18/02/650 ao Governo de Angola
- Data da chegada das principais moedas para Angola
- Carta do Governador de 11/10/797
- Referencia ao Edital de 21/03/1837

MOEDAS
- De D. Pedro II
- De D. João V
- De D. José I
- De D. Maria I
- De D. João - Regente
- De D. Miguel I
- De D. Maria II
- De D. Pedro V
- De D. Luís I
Da república
Com carimbos (datas)
Que não existiram (datas erradas)

Ensaios monetários
Provas de Cunho
Registos de variantes nas moedas de cobre de 1762 a 1860
Emissões para o Ultramar (datas)
Agradecimento


GRAVURAS

CAPA - Anverso da Macuta de cobre de 1762
Frontispício - Reverso da mesma moeda
Contra-capa - 'Deus da sabedoria dos Maiacas' emblema do CITA
Ex-Libris
Armas da Câmara Municipal de Luanda
Búzios
Contas
Aggry
Chevron
Coralinas
Cruzeta de cobre do Katanga
'Handas' de Moçambique
Lingote de estanho
Mu-truku
Ongondo, argolas de cobre
Otykalo e Osirua, ferramenta africana
Aplicando o Ongondo
Carimbo das Quinas do Brasil
Confirmando a legenda da moeda
Artífices trabalhando nos cunhos
Negociando no mato com o indígena

MOEDAS
De 1 e 5'francos do Katanga
D. Pedro II
D. João V
D. José I
D. Maria I e D. Pedro III
D. Maria I (Viúva)
D. João, regente
D. Miguel (ensaios)
D. Maria II
D. Pedro V
Da república
Com carimbo

Ensaios em chumbo
Provas de cunho




Preço: 0,00€ (Indisponível);

Angola & Comunicação Social - 'INFORMAÇÃO EM ANGOLA', de Sebastião Coelho - Luanda 1976 - MUITO RARO;



Angola & Comunicação Social - Resenha dos orgãos de informação e dos jornalistas angolanos


'INFORMAÇÃO DE ANGOLA'
De Sebastião Coelho
Edição do autor (?)
Luanda 1976


Livro com 328 páginas e em excelente estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.



Preço: 0,00€; (Indisponível)

Ultramar & Angola - 'AS COMUNICAÇÕES E OS TRANSPORTES EM ANGOLA' - Luanda 1973 - MUITO RARO;



Ultramar & Angola - Levantamento da rede de comunicações e transportes


'AS COMUNICAÇÕES E OS TRANSPORTES EM ANGOLA'
Edição da Secretaria Provincial das Comunicações
Luanda 1973.


Livro com 16 páginas, ilustrado e em muito bom estado de conservação. Na capa, serra da Leba, Huíla.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


A rede de comunicações e transportes na antiga colónia portuguesa de Angola.


DO ÍNDICE:

COMUNICAÇÕES E TRANSPORTES
- Estradas
- Transportes aéreos
- Caminhos de Ferro
- Portos
- Correios, Telégrafos e Telefones



Preço: 25,00€;

Ultramar & Guerra Colonial - 'A SINGULAR VIDA DE JOSÉ ALMEIDA', de António Oliveira - Lisboa 2004 - Raro;



Ultramar & Guerra Colonial - O relato da colonização e da guerra colonial nas ex-colónias portuguesas de África em obra romanceada


'A SINGULAR VIDA DE JOSÉ ALMEIDA'
De António Oliveira
Edição Lugar da Palavra
Lisboa 2004



Livro com 208 páginas, ilustrado e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito difícil localização.
Raro.



SINOPSE:
"A pacata vida de uma aldeia dos arredores do Porto é assombrada pelo regresso de José Almeida, depois de muitos anos sem dar notícias. Num fantástico romance, aos poucos, como num novelo, vão sendo desvendados os muitos segredos de uma vida singular, onde não faltam ingredientes como a guerra do ultramar, a resistência à ditadura e a paixão. Uma paixão única por Jália, angolana por quem se apaixonou e por quem desertou do exército português. Mas também uma paixão pela vida, pela dignidade humana e pela liberdade, capaz de resistir a todas as adversidades.

A singular vida de José Almeida é um dos melhores livros que já se escreveu sobre a guerra colonial."



Preço: 17,50€;

Colonialismo & Ultramar - 'PENSANDO EM ANGOLA', de Fernando Rodrigues Leitão - Lisboa 1972 - MUITO RARO;



Colonialismo & Ultramar - Uma exortação á presença portuguesa em Angola e a dedicação ao território e às suas gentes


'PENSANDO EM ANGOLA'
De Fernando Rodrigues Leitão
Edição do autor
Lisboa 1972


Livro com 85 páginas e em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO RARO.



Preço: 22,50€;

Guerra Colonial & Ultramar - 'TERRORISMO EM ANGOLA - Como nasceu o plano', de Adelino de Figueiredo Lima - Rio de Janeiro 1961 - MUITO RARO;



Guerra colonial & Ultramar - Uma análise sobre os meandros do início do conflito armado em Angola


'O TERRORISMO EM ANGOLA - Como Nasceu o Plano'
De Adelino de Figueira Lima
Edição do Centro dos Portugueses do Ultramar e
Estudos Luso-Afro-Brasileiros
Rio de Janeiro 1961


Livro com 16 páginas, ilustrado e em bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.



ADELINO DE FIGUEIREDO LIMA
"Antigo director dos jornais 'MOÇAMBIQUE', 'PROVÍNCIA', 'PRO-PÁTRIA' e o 'PORTUGAL' de Lourenço Marques. Fundador e director da revista 'D'Aquém e d'Além Mar' de Lisboa.

Exerceu os cargos de Director da Escola de Artes e Ofícios de Moçambique, o primeiro instituto daquela província portuguesa do Índico: sub-Delegado do Procurador da República em Porto Amélia (Niassa) e de membro efectivo do Conselho Legislativo de Cabo Verde.

Obras editadas:
- 'A REPÚBLICA E AS COLÓNIAS PORTUGUESAS' - 1916;
- 'AS MISSÕES RELIGIOSAS' - 1918;
- 'NOS BASTIDORES DO MISTÉRIO' - 1953;
- 'OS TEMPLÁRIOS' - 1955;
- 'LIVRO PROIBIDO' - 1958;
- 'A ÁFRICA E A BOLCHEVIZAÇÃO DO MUNDO' - 1961;"




DO ÍNDICE:

O TERRORRISMO EM ANGOLA - Como nasceu o plano
- Duas filosofias em luta
- A tragedia do Congo
- Porque não existe a paz no Congo
- O Pacto secreto de Ácra



Preço: 0,00€; (Indisponível)

África & Poesia - 'GRITOS DE CABINDA' (Antologia) - Cabinda 1980 - MUITO RARO;



África & Poesia - Obra de Antologia de poesias e poetas cabindenses


'GRITOS DE CABINDA'
Antologia de Poemas de Escritores Cabindeses
Selecção de Batuama.
Tipografia Ramos Santos.
Cabinda 1980


Livro com 87 páginas e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


Numa edição de grande raridade, este livro divulga poesias e poetas de Cabinda.



Preço: 25,00€;

Ultramar & Descolonização - 'TIMOR CONTEMPORÂNEO - Da primeira ameaça da Indonésia ao nascer de uma nação', de Filipe Themudo Barata - Lisboa 1998 - MUITO RARO;




Ultramar & Colonialismo - Uma análise e ensaio sobre a dramática descolonização de Timor por um profundo conhecedor do território


'TIMOR CONTEMPORÂNEO - Da primeira ameaça da Indonésia ao nascer de uma nação'
De Filipe Themudo Barata
Edição Equilíbrio Editorial
Lisboa 1998


Livro com 264 páginas, ilustrado e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.



Uma profunda análise do final da presença portuguesa na mais longínqua colonia na Ásia e da dramática descolonização, que viu surgir uma muito sangrenta guerra civil entre as facções timorenses e culminou na invasão Indonésia a 7 de Dezembro de 1975. E depois seguiu-se uma longa guerra de resistência até à independência já neste século.

O autor, foi governador-geral de Timor nos anos entre 1959/63 e uma vasta experiência nas outras colónias africanas.


Preço: 0,00€;

Literatura & Ultramar - 'FLORES DO PÂNTANO', de António Luz - S. Tomé 1931 - MUITO RARO;



Literatura & Poesia - Uma colectânea de poemas de um escritor de expressão portuguesa radicado em S. Tomé e Principe, então colónia portuguesa


'FLORES DO PÂNTANO (Castigat ridendo mores...)'
De António Luz (Micróbio)
Editor Francisco Dias Júnior
Imprensa Nacional
S. Tomé 1931


Livro com 106 páginas e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
MUITO RARO.


Colectânea de poemas do escritor radicado em S. Tomé, então colónia portuguesa.



Preço: 45,00€;

Agricultura & Ultramar - 'CACAOS DE S. TOMÉ', de Salustiano da Graça do Espírito Santo - Lisboa 1960 - MUITO RARO;



Agricultura & Ultramar - Um levantamento sobre esta cultura importante para a economia do arquipélago no período colonial


'CACAOS DE S. TOMÉ'
De Salustiano da Graça do Espírito Santo
Edição do autor (?)
Lisboa 1960


Livro com 36 páginas, ilustrado e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito difícil localização.
MUITO RARO.


Estudo sobre as origens e plantação de cacau em São Tomé e Príncipe.



Preço: 52,50€;

Colonialismo & Ultramar - 'INDÚSTRIAS COLONIAIS - S. TOMÉ E PRÍNCIPE' - S. Tomé 1932 - Muito raro;




Colonialismo & Ultramar - Uma monografia de divulgação das potencialidades industriais do arquipélago, então colónia portuguesa


'INDÚSTRIAS COLONIAIS - S. TOMÉ E PRÍNCIPE'
MONOGRAFIA DE DIVULGAÇÃO
Edição do Governo
S. Tomé 1932


Livro com 32 páginas e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
Muito raro.



Preço: 27,50€;

Angola & Literatura - 'NAVIONGA - Filha de Branco', de Maria Perpétua Candeias da Silva - Lisboa 1966 - RARO;



Angola & Literatura - Exemplar da literatura portuguesa dedicada á vida e costumes das populações das ex-colónias portuguesas em África


'NAVIONGA - Filha de Branco'
De Maria Perpétua Candeias da Silva
Edição da Agência Geral do Ultramar
Lisboa 1966


livro com 156 páginas e em muito bom estado de conservação.
De muito dificil localização.
RARO.



Preço: 22,50€;

terça-feira, 18 de dezembro de 2018

Angola - MPLA & 27 de Maio de 1977 - 'EM NOME DO POVO - O Massacre que Angola silenciou', de Lara Pawson - Lisboa 2014 - RARO;





Angola - MPLA & 27 de Maio de 1977 - Um estudo aprofundado da tragedia sangrenta que se verificou no novo país no seu do partido e do regime


'EM NOME DO POVO - O Massacre que Angola silenciou'
De Lara Pawson
Tradução de Susana Sousa e Silva
Edição Tinta da China
Lisboa 2014


Livro com 400 páginas e em excelente estado. Novo.
De muito difícil localização.
RARO;


Sinopse:
"A 27 de Maio de 1977, uma manifestação contra o MPLA levou ao massacre de milhares, senão dezenas de milhares, de pessoas. Hoje, praticamente não se fala desta tragédia em Angola; no estrangeiro, ninguém sabe sequer da sua existência.A jornalista Lara Pawson investigou os acontecimentos, e considerou-os em tudo equivalentes «aos massacres ordenados por Robert Mugabe, [...] e aos assassínios em massa da ditadura de Pinochet».Entre Londres, Luanda e Lisboa, Pawson conseguiu o que até aqui nunca fora possível: passados 40 anos, vítimas e testemunhas – ainda hoje sob a tensão do medo –, e até mesmo alguns dos carrascos, decidiram falar sobre o massacre, numa série de empolgantes entrevistas.João Van Dúnem, irmão de José, um dos líderes da revolta, bem como actuais membros da elite angolana – por exemplo, Ndunduma Wé Lépi, ex-director do Jornal de Angola, ou Aníbal João da Silva Melo, deputado à Assembleia Nacional pelo MPLA – contam-se entre os muitos testemunhos que a autora reuniu.Uma leitura indispensável para a história do massacre e suas sequelas, mas também para o melhor entendimento da actualidade angolana."


DO ÍNDICE:

Glossário
Principais figuras políticas
INTRODUÇÃO

PRIMEIRA PARTE
- O encontro com Maria
- À sombra da DISA
- Os sabitadores, os parasitas e os especuladores
- Quando as coisas normais não correm normalmente
- O Fascismo acabara, começara o Socialismo
- Como nos filmes
- O irmão
- O som das microfichas
- Não queiram conhecer os vossos heróis
- Mandados para Cuba
- O cerco aperta-se

SEGUNDA PARTE
- Tantas libelinhas
- Salva por um poeta
- Uma visita ao Sambizanga
- O pequeno Livro Vermelho
- Quilómetro 14
- Paradoxos da Guerra Fria
- A propósito das aparências
- O campo da morte
- Metamorfoses do inimigo
- Na praia
- Como se formam as nossas cabeças

TERCEIRA PARTE
- Pontas soltas
- A ligação a Cuba
- EPÍLOGO

Agradecimentos
Bibliografia
Índice remissivo




Preço: 37,50€;

Angola - Guerra Colonial & MPLA - 'MAYOMBE' (2.a edição), de Pepetela - Luanda 1981 - Muito Raro;




Angola - Guerra Colonial & MPLA - a experiência guerrilheira do autor narrada sob a forma de romance histórico


'MAYOMBE' (2.a edição)

De Pepetela (Artur Pestana)
Ilustrações de Henrique Abranches
Edições 70 / União dos Escritores Angolanos
Luanda 1981


Com 304 páginas, ilustrado e em excelente estado de conservação.
De muito difícil localização.
Muito Raro.


"O Mayombe começa com um comunicado de guerra. Eu escrevi o comunicado e...o comunicado pareceu-me muito frio, coisa para jornalista, e eu continuei o comunicado de guerra para mim, assim nasceu o livro." - Pepetela


Escrito no período em que Pepetela participou na guerra pela libertação do seu país, Mayombe é uma narrativa que mergulha fundo na organização dos combatentes do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA), trazendo à tona as suas dúvidas, contradições, medos e convicções. Os bravos guerrilheiros que lutam no interior da densa floresta tropical confrontam-se não só com as tropas portuguesas, mas também com as diferenças culturais e sociais que procuram superar em direcção a uma Angola unificada e livre.



De seu nome verdadeiro Artur Pestana, o autor cedo aderiu ao MPLA e esteve na frente de combate de Cabinda até à queda do regime português em 25 de Abril de 1974, tendo regressado a Luanda à escrita.



Da contra-capa:
"... a fronteira entre a verdade e a mentira é um caminho no deserto. Os homens, dividem-se dos dois lados da fronteira. Quantos há que sabem onde se encontra esse caminho de areia no meio da areia? Existem, no entanto, e eu sou um deles. Sem Medo também o sabia. Mas insistia em que era um caminho no deserto. Por isso se ria dos que diziam que era um trilho cortando, nítido, o verde do Mayombe. Hoje sei que não há trilhos amarelos no meio do verde."


PEPETELA
Artur Carlos Maurício Pestana dos Santos, conhecido pelo pseudónimo de Pepetela (Benguela, 29 de Outubro de 1941), é um escritor angolano.

A sua obra reflete sobre a história contemporânea de Angola, e os problemas que a sociedade angolana enfrenta. Durante a longa guerra, Pepetela, angolano de ascendência portuguesa, lutou juntamente com MPLA (Movimento Popular de Libertação de Angola) para libertação da sua terra natal. O seu romance, Mayombe, retrata as vidas e os pensamentos de um grupo de guerrilheiros durante aquela guerra. Yaka segue a vida de uma família colonial na cidade de Benguela ao longo de um século, e A Geração da Utopia mostra a desilusão existente em Angola depois da independência. A história angolana antes do colonialismo também faz parte das obras de Pepetela, e pode ser lida em A Gloriosa Família e Lueji. A sua obra nos anos 2000 critica a situação angolana, textos que contam com um estilo satírico incluem a série de romances policiais denominada Jaime Bunda. As suas obras recentes também incluem: Predadores, uma crítica áspera das classes dominantes de Angola, O Quase Fim do Mundo, uma alegoria pós-apocalíptica, e O Planalto e a Estepe, que examina as ligações entre Angola e outros países ex-comunistas. Licenciado em Sociologia, Pepetela é docente da Faculdade de Arquitectura da Universidade Agostinho Neto em Luanda.


Obras
Livros de Romances
- 'As Aventuras de Ngunga' (1972);
- 'Muana Puó' (1978);
- 'Mayombe' (1980);
- 'O Cão e os Caluandas' (1985);
- 'Yaka' (1985);
- 'Lueji' (1990);
- 'Geração da Utopia' (1992);
- 'O Desejo de Kianda' (1995);
- 'Parábola do Cágado Velho' (1997);
- 'A Gloriosa Família' (1997);
- 'A Montanha da Água Lilás' (2000);
- 'Jaime Bunda, Agente Secreto' (2001);
- 'Jaime Bunda e a Morte do Americano' (2003);
- 'Predadores' (2005);
- 'O Terrorista de Berkeley, Califórnia' (2007);
- 'O Quase Fim do Mundo' (2008);
- 'Contos de Morte' (2008);
- 'O Planalto e a Estepe' (2009);
- 'A Sul. O Sombreiro' (2011);
- 'O Tímido e as Mulheres' (2013);

Peças
- 'A Corda' (1978); e
- A Revolta da Casa dos Ídolos (1980).



Preço: 35,00€;

Angola & Literatura - 'POESIA DE COMBATE' - (MPLA) - Luanda 1974 - MUITO RARO;



Angola & Literatura - A poesia revolucionária do período da guerra de libertação e da autoria de membros do MPLA


'POESIA DE COMBATE'
MPLA
Edição do Departamento de Informação e Propaganda
Editorial Globo
Luanda 1974


Livro com 32 páginas e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.



"A obra reúne num único corpo récitas literárias de autores de expressão portuguesa:
Agostinho Neto, Deolinda Rodrigues de Almeida, António Jacinto, Sá Cortez, Simeão Kafuxi, Nicolau Spencer, Pedro de Castro Van-Dunem, Diadengue, Tchiaku Spiele, Ngudia Wendel, Emanuel Corgo e Fonseca Wochay.
Os poemas abordam o tema da guerra de libertação política de Angola, iniciada nos anos sessenta do século XX"



Preço: 0,00€; (Indisponível)

Angola & Guerra Colonial - 'GOLDEN GATE', de José Niza - Lisboa 2012;



África & Guerra Colonial - Uma narrativa pessoal da experiência do autor enquanto militar na guerra no ultramar


'GOLDEN GATE'
De José Niza
Edições Dom Quixote
Lisboa 2012


Livro com 298 páginas, em excelente estado de conservação. Como novo.


"Um olhar único sobre a guerra em Angola pela mão do autor de 'É DEPOIS DO ADEUS'."


José Niza, um intelectual de longa data, militante e dirigente do PS (Partido Socialista), deu á estampa esta obra sobre a sua passagem pela guerra colonial, pouco tempo antes do seu desaparecimento físico.


Preço: 0,00€; (Indisponível)

Angola & Comunicação Social - Revista 'EQUIPA', n. 2 de 1 Junho 1972 ('AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE LUANDA ' - Inauguração) - MUITO RARO;






Angola & Desporto - Um raro exemplar da Comunicaçao Social escrita angolana, dedicada exclusivamente aos diversos desportos


Revista 'EQUIPA', n. 2, de 1 de Junho de 1972.
('AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE LUANDA ' - Inauguração)


Revista editada em Luanda, com 54 páginas, muito ilustrada em em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


Uma revista com a Direcção, Administração e Redacção na Rua Pereira Forjaz, em Luanda,me tendo como director Rui Patuleia, António Ventura como Director-Adjunto e Chefe de Redacção Artur Ferreira e ainda como Sub-Chefe, Carlos Blanco, que mais tarde se viria a destacar na informação da RTP1.

Como principal tema e chamada de capa, 'AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE LUANDA' (Inauguração) - Reportagem completa. Da equipa da revista: Artur Ferreira, Carlos Blanco, José Manuel da Nobrega, Fernndo Chaves e Eduardo Baião.


DO ÍNDICE:
- 'FUGIU A ROMÃOZINHO O BNU' - Reportagem de Oliveira País;
- 'A 'Equipa' EM BENGUELA VENDEU-SE ASSIM ...';
- PROTESTOS - Texto de Vítor Morgado;
- Noticiário
- 'OS CAPRI 2600 NA BERLINDA' - Texto de Artur Ferreira;
- 'DATSUN DE NOVO - António C. Oliveira ainda' - Fotos de Lobo Pimentel;
- 'AUTÓDROMO INAUGUROU' - Reportagem de Artur Ferreira, Carlos Blanco, José Manuel da Nobrega, Fernando Chaves e Eduardo Baião;
- 'BENGUELA TAMBÉM TEVE VEZ ...';
- '"RATO" EM FÓRMULA UM É FITTIPALDI' - Entrevistou Carlos Blanco, fotografou Artur Ferreira;
- 'PORTUGUESES EM LONDRES' - Entrevistou Artur Ferreira, fotografou Bob Young;
- 'A TENTAREM ALCANÇAR A FÓRMULA UM ...'
Jorge Pinhol - Fernando Natividade
- MANUEL AMARAL:
"VIM PARA O AUTOMOBILISMO PORQUE GOSTO DE ANDAR DEPRESSA"
Entrevista de Carlos Blanco;
- 'MÓNACO PARA BELTOISE';
- 'ESTÁ DE LUTO A AVIAÇÃO DE ANGOLA' (Queda de um avião da DTA no Lobito);
- MOTOCICLISMO
- KARTING - Por Carlos Blanco;


Preço: 60,00€;

Angola & Revolução - 'LANCEMOS UMA OFENSIVA GENERALIZADA NA LUTA PELA DEMOCRACIA POPULAR' - Luanda 1976 - MUITO RARO;



Angola & Revolução - Um dos discursos mais inflamados do líder do MPLA contra o inimigo interno


'LANCEMOS UMA OFENSIVA GENERALIZADA NA LUTA PELA DEMOCRACIA POPULAR'
De Agostinho Neto
Edição DIP
Luanda 1976


Livro com 16 páginas e em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


preço: 0,00€;

Angola & MPLA - 'DISCOURS', by Agostinho Neto - Luanda 1980 - MUITO RARO;



Angola & MPLA - Colectânea de discursos do Presidente Agostinho Neto sobre a educação e cultura


'DISCOURS'
By Agostinho Neto
Departamento de Educação
Luanda 1980


Livro com 94 páginas e em muito bom estado de conservação.
De muito difícil localização.
MUITO RARO.



Preço: 27,50€;

sábado, 15 de dezembro de 2018

Angola & Guerra Colonial - 'BATALHÃO DE CAÇADORES - n. 442' - ('Furões da Selva') - Luanda 1965 - MUITO RARO;





Angola & Guerra Colonial - O historial deste batalhão militar português que cumpriu missão nos inícios da década de sessenta


'BATALHÃO DE CAÇADORES - n. 442'
- ('Furões da Selva') - Angola 1963 a 1965
Luanda 1965


Livro com 96 páginas, muito ilustrado e em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


Uma das obras do género mais bem conseguidas, no relato do historial destes homens que constituíram o Batalhão de Caçadores n. 442, cuja missão de defesa da Pátria teve como cenário a ex-província ultramarina de Angola, nas costa da África ocidental e que decorreu entre os anos de 1963 a 1965.


Preço: 0,00€ (Indisponível);