sábado, 29 de setembro de 2018

Angola & MPLA - 'DISCURSOS', de Agostinho Neto - Luanda 1980 - MUITO RARO;




Angola & MPLA - Os discursos dos Presidente da República e líder do partido revolucionário vencedor da guerra civil angolana


'DISCURSOS'
De Agostinho Neto
Edição do DEPPI (Departamento de Educação Político-Ideológica, Propaganda e Informação)
Luanda 1980


Livro com 98 páginas, ilustrado e em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO RARO.



Do ÍNDICE:

INTRODUÇÃO

PRECISAMOS DUM GOVERNO POPULAR
Discurso proferido em Menongue em 26-7-79

O NOSSO PAÍS DEVE SER CONDUZIDO PELOS OPERÁRIOS E CAMPONESES
Discurso proferido no Lubango em 27-7-79

PRECISAMOS DE APROFUNDAR AS IDEIAS E VER O QUE É QUE NÓS VAMOS FAZER PARA, DE FACTO, INSTITUIR NO NOSSO PAÍS AQUILO QUE DESEJAMOS: O SOCIALISMO
Discurso proferido em Calandula (província de Malange) em 18-8-79

A REVOLUÇÃO VAI CONTINUANDO, A REVOLUÇÃO VAI TRIUNFAR.
ALGUNS DE NÓS PODEM DESAPARECER
ALGUNS DE NÓS PODEM SER LIQUIDADOS NA PRIMEIRA ESQUINA, MAS A REVOLUÇÃO VAI CONTINUAR
Discurso proferido na inauguração da sede do Comité provincial do Partido de Malange em 19-8-79

É NECESSÁRIO QUE HAJA UMA SÓ VOZ DENTRO DO PARTIDO
Discurso proferido no comício realizado na visita oficial de Malange em 21-8-79

VAMOS ORGANIZAR TODO O POVO PARA APLICAR A LINHA DO PARTIDO
Discurso proferido no termo da visita oficial à província do Uíge em 22-8-79

EXISTEM ALGUMAS CONTRADIÇÕES DE CARÁCTER POLÍTICO E SOCIAL
Discurso proferido na reunião com o Comité municipal do Partido do Uíge, no Cine-Moreno em 22-8-79



Preço: 52,50€;

África & MPLA - 'IL POPOLO DELL'ANGOLA IN ARMI' - AAVV - Milano 1969 - MUITO RARO;



África & MPLA - Importante documento da guerrilha angolana, inicialmente publicado no boletim 'ANGOLA IN ARMS' em Dar-Es-Salam


'IL POPOLO DELL'ANGOLA IN ARMI - Contro la barbarie del sistema coloniale portoghese'
AAVV
Edição Libreria FELTRINELLI
Milano 1969


Livro com 72 páginas e em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.



Do ÍNDICE:

PREMESA

Bilancio delle attività
La lotta per el liberazione nazionale
1. Lotta clandestina
2. 4 febrbraio 1961
3. I delitti dell'UPA
4. La crisi del nazionalismo angolese nel 1963
5. Il significato della zona di guerriglia di Cabinda
6. Nuove prospettive - Il fronte orientale
7. La transformazione del fronte del nord, e l'entrata trionfale delle colonne di Cienfuegos e di Kami
8. La generalizzazione della lotta armata e la linea stategica dell'MPLA
9. L'esercito coloniale portoghese
10. L'estensione della lotta armata nell'Angola e il fascismo per i portoghesi

Conclusioni e prospettive

HENDA
Amato figlio del popolo angolese, eroico combattente dell'MPLA

I piú importanti successi dell'MPLA nel 1968

La guerriglia - L'unica forma válida di lotta

Il progetto congiunto d'irrigazione e di elettricità con il Sud Africa

Il razzisti sudafricani ed il progetto idroelettrico del fiume Cunene

Memorandum sulla Conferenza Internazionale IN aiuto dei popoli delle colonie portoghesi e dell'Africa del Sud

Dichiarazione dell'MPLA sulla Conferenza Internazionale in aiuto dei popoli delle colonie portoghesi e dell'Africa del Sud tenuta a Karthoum dal 18 al 20 gennaio 1969

Dopo la Conferenza di Karthoum

Marcelo Caetano: un nuovo leader fascista portoghese

Un saluto ai patrioti prigionieri

'Non piangeremo i morto'
Hélder Neto



Preciso: 90,00€;

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Moçambique & Ultramar - Revista 'FAMÍLIA CRISTÃ', n. 3, de Março de 1973 ('LOURENÇO MARQUES - Ano 100') - Muito Rara;





Moçambique & Ultramar - Uma revista de inspiração cristã que dedicou uma reportagem especial à cidade de Lourenço Marques com capa ilustrada com imagem da pérola do Índico


Revista 'FAMÍLIA CRISTÃ', n. 3, de Março de 1973
('LOURENÇO MARQUES - Ano 100')

Tema com chamada e dedicação da capa.


Revista editada em Portugal, com 66 páginas, muito ilustrada e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito difícil localização.
Muito Rara.



Do ÍNDICE:

Temas em destaque:
- 'LOURENÇO MARQUES (Xilunguíne) - Ano 100'
Reportagem muito ilustrada de Sílvio Aguilar
De 1544 a 1875: três séculos de confusão histórica de Lourenço Marques
De 1876 aos nossos dias (menos de 100 anos)
- 1.a Década (1876-1886)
- 2.a Década (1887-1897)
- 3.a Década (1897-1907)
- 4.a Década (1908-1918)
- 5.a Década (1919-1929)
- 6.a Década (1930-1940)
- 7.a Década (1941-1951)
- 8.a e 9.a Décadas (1952-1973)
Algumas estruturas-milagre-feitiço da cidade nova a caminho do futuro
- VIETNAME: UMA PAZ DIFÍCIL
Porque não acabou a guerra no Natal de 1972
- A NOSSA SAÚDE DEPENDE TAMBÉM DOS DENTES
- GILBERT CESBRON ESCRITOR CRISTÃO EM TEMPOS DIFÍCEIS
Uma testemunha da ternura de Deus



Preço: 47,50€;

África - Angola & Literatura - 'NHÁRI - O Drama da gente negra', de Castro Soromenho - Lisboa 1938 - MUITO RARO;



África - Angola & Literatura - Uma obra sobre as populações autóctones das colónias portuguesas do continente


'NHÁRI - O Drama da gente negra'
De Castro Soromenho
Edição Livraria Civilização
Lisboa 1938


Livro com 180 páginas e em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO RARO.


Preço: 52,50€;

África - História & Colonialismo - 'ITÁLIA - ANGOLA: UMA AMIZADE ANTIGA' - Luanda 2002 - RARO;



África - História & Colonialismo - As relações dos reinos angolanos ancestrais com a europa e a influência da Itália e de Portugal com as monarquias de Angola


'ITÁLIA - ANGOLA: UMA AMIZADE ANTIGA'
De Filippo Pigafetta
Edições Chá de Caxinde
Luanda 2002


Livro com 92 páginas e em muito bom estado de conservação. Novo. Excelente.
De muito difícil localização.
RARO.



Do ÍNDICE:

INTRODUÇÃO
Alfredo Bastianelli
(Embaixador da Itália em Angola)

EXTRACTO DA DEDICATÓRIA DO LIVRO
Filippo Pigafetta (Roma, 17 de Agosto de 1591)

PREFÁCIO

- DA CIRCUNFERÊNCIA DO REINO DO KONGO E DOS SEUS LADOS E FRONTEIRAS
- DO LADO SETENTRIÃO DO REINO DO KONGO E DAS SUAS FRONTEIRAS
- DO LADO ORIENTAL DO REINO DO KONGO E DAS SUAS FRONTEIRAS
- DAS FRONTEIRAS DO REINO DO KONGO ACIMA DO SUL
- DA CIDADE REAL DO REINO DO KONGO
- MORTO O REI DOM JOÃO, O PRIMEIRO REI CRISTÃO, SUCEDEU-LHE O FILHO DOM AFONSO
Das guerras contra o irmão, dos milagres que aconteceram e a conversão daqueles povos
- MORTE DO REI DOM AFONSO E SUCESSÃO DE DOM PEDRO
Como primeiro se povoou a ilha de S. Tomé
Da morte dos dois por conjura dos portugueses e dos senhores do Kongo e como se extinguiu a linhagem real
Expulsão dos portugueses
- DA CORTE DO REI DO KONGO E DAS ROUPAS DAQUELA GENTE, ANTES E DEPOIS QUE SE TORNARAM CRISTÃOS
Da mesa real e dos modos da corte



Preço: 25,00€;

terça-feira, 25 de setembro de 2018

Angola & Antropologia - 'CULTURA TRADICIONAL BANTO', de P. Raul Ruiz de Asúa Altuna - Luanda 1993 - MUITO RARO;




Angola & Antropologia - Uma grande investigação sobre a cultura e as populações bantos desta antiga colónia portuguesa


'CULTURA TRADICIONAL BANTO'
De P. Raul Ruiz de Asúa Altuna
Edição do Secretariado Arquidiocesano de Pastoral
Luanda 1993


Livro com 622 páginas, muito ilustrado e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


O AUTOR:
"RAUL RUIZ DE ASÚA ALTUNA nasceu em Gordejuela (Vizcaya), Espanha. Foi ordenado sacerdote em Biobau, a 29 de Junho de 1955.

Em 1959 chegou a Angola com o primeiro grupo de Padres diocesanos das Missões Diocesanas Vascas.

Em 1960 fundou a Missão de Brito Godins (Malange).

Em 1971 doutorou-se em Teologia Dogmática na Pontifícia Universidade de S. Tomás, Roma. Defendeu a tese de doutoramento sobre: 'Os Movimentos Salvificos Bakongo'.

Desde 1965 trabalha na Arquidiocese de Luanda. "




Do ÍNDICE:

ACERCA DE UMA REEDIÇÃO
João da Rocha Páris (Embaixador de Portugal)

APRESENTAÇÃO
Eduardo André Muaca (Arcebispo de Luanda)

PREFÁCIO
O Autor

INTRODUÇÃO
- Os Banto
- Áreas Culturais
- Avaliações históricas de Cheik Anta Diop
- A Tradução oral


PRIMEIRA PARTE
capitulo 1:
FUNDAMENTOS DA CULTURA TRADICIONAL BANTO
- A Participação Vital - A União Vital
- A Participação Vital nas comunidades banto
- A vida do existente inteligente
- Lei da hierarquia dos seres - Pirâmide vital
- Lei do dinamismo vital - Sua inter-acção e interdependência
- Lei do crescimento ou diminuição do dinamismo vital
- Casualidade banto
- Participar na vida exige a fecundidade
- A sintonia com a vida
- Surrealismo
- A palavra
- O simbolismo

Capitulo 2:
ESTRUTURAS BANTO POLÍTICO-SOCIAIS
- Organização política
- Sustemas de parentesco - Grupos de filiação
- Sistema patrilineal ou agnatício
- Sistema matrilineal ou uterino
- Avunculato
- As comunidades banto
- Família elementar, nuclear ou conjugal
- A família alargado ou extensa
- O chefe familiar - Pater famílias
- Uniões não-consanguíneas
- Pactos de sangue - Fraternidade de sangue
- O clã
- Exogamia
- Totemismo
- A tribo
- Vínculo com o território
- Propriedade - Trabalho
- Povoações
- Outras formas de relação social
- Irmandade de idade
- Grupos de homens
- Divisão de trabalho por sexos
- Classes e castas
- Corporações de ofícios
- O escravo na África negra
- Sociedades secretas
- Sociedades zoantrópicas

Capitulo 3:
SOLIDARIEDADE VERTICAL E HORIZONTAL
- Solidariedade vertical e horizontal
- Vida comunitária
- Atentados à vida comunitária
- Preço de sangue
- Individualismo e comunidade
- Mensagem do humanismo negro-africano

Capitulo 4:
A CHEFIA BANTO
- A chefia banto
- Administração da justiça
- Justiça mágica

Capitulo 5:
A PESSOA HUMANA
- A pessoa humana
- A mulher banto
- Constituição da pessoa humana
- A alma espiritual
- O coração
- O nome
- Os sonhos
- Nascimento

Capitulo 6:
INICIAÇÃO À VIDA COMUNITÁRIA - RITOS DE PUBERDADE
- Iniciação à vida comunitária - RITOS de puberdade
- Iniciação masculina da puberdade
- Circuncisão
- A iniciação é um rito de passagem
- A separação
- Reclusão e marginalização
- Ressurreição - Re-nascimento
- Reintegração
- Simbolismo eficaz da iniciação
- A iniciativa é uma escola para a vida
- Iniciação e comunidade
- Inconvenientes da iniciação
- Iniciação feminina
- Mutilações sexuais

Capitulo 7:
CASAMENTO TRADICIONAL BANTO
- Casamento tradicional banto
- O casamento fundamenta uma aliança entre grupos
- O casamento é um facto social
- O casamento é essencialmente fonte de vida
- O casamento é essencialmente religioso
- O casamento é um 'rito de passagem'
- O casamento é uma associação económica
- O casamento é um acto jurídico
- O casamento banto é indissolúvel?
- Casamento uno e monogâmico
- Impedimentos matrimoniais
- Ritos matrimoniais
- Preparativos para o casamento
- O alambamento
- O alambamento, prova do contrato matrimonial
- O alambamento legítima o casamento
- O alambamento é uma indemnização
- Abusos e deformações do alambamento
- Divórcio
- Adultério
- Poligamia - Poliginia
- Consequências da poligamia
- Poliandria

SEGUNDA PARTE
Capitulo 8:
RELIGIÃO TRADICIONAL BANTO
- Religião Tradicional Banto
- Feiticismo
- Outras denominações
- Animismo
- Religião Tradicional Africana
- Religião Tradicional é vida participada
- Religião Tradicional e espiritualidade
- Religião Tradicional e cultura banto

Capitulo 9:
MONOTEÍSMO BANTO
- Monoteísmo Banto
- Atributos de Deus
- Nomes de Deus

Capitulo 10:
DEUS E O HOMEM
- Deus e o homem
- O banto pensa em Deus e sente a sua proximidade
- Culto a Deus
- Oração

Capitulo 11:
HABITANTES INTERMEDIÁRIOS NO MUNDO INVISÍVEL
- Habitantes intermediários no mundo invisível
- Espíritos - Seres espirituais
- Génios
- Forças telúricas
- A morte
- Significado da morte
- A morte é uma iniciação
- Causas da morte
- RITOS fúnebres
- O enterro
- Existe outra vida depois da morte
- Actividade dos antepassados
- O mal

Capitulo 12:
CULTO AOS ANTEPASSADOS
- Culto aos antepassados
- Possuídos pelos antepassados
- Possessão maléfica
- Possessão benéfica
- O sacrifício
- Significado dos sacrifícios
- Sacerdócio

Capitulo 13:
ÉTICA PARA A VIDA
- Ética para a vida
- Preceitos
- A culpa
- Confissão - Purificação

Capitulo 14:
MAGIA BANTO
- O medo
- Definição da magia banto
- Espécies de magia
- Leis da Magia
- Magia Banto e religião
- Instrumentos materiais da magia
- O feitiço
- Amuletos - Talismãs
- Máscaras

Capitulo 15:
ESPECIALISTAS DA MAGIA BANTO
- Especialista da magia banto
- O curandeiro banto
- O advinho banto
- O feiticeiro banto



Preço: 160,00€;

Angola & História - 'O PROBLEMA DE CABINDA', de São Vicente - Luanda 1995 - MUITO RARO;



Angola & História - O conflito de Cabinda analisado na perspectiva da nação una é dirigida pelo governo de Luanda do MPLA


'O PROBLEMA DE CABINDA'
De São Vicente
Edição INALD (Instituto Nacional do Livro e do Disco)
Luanda 1995


Livro com 418 páginas, ilustrado com diversos mapas e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


Da contracapa:
"O problema de CABINDA é um dos maiores desafios afiados ou adormecidos de Angola. A obra é uma análise do problema de Cabinda, numa perspectiva histórica e numa avaliação crítica da sua evolução político-militar recente. O autor inventaria as forças políticas e militares em presença, as principais teses autonomistas e independentistas e as várias tentativas de Fragmentação e de federalização de Angola. O impacto das diversas tentativas de negociações, o papel da igreja e das eleições de 1992 são igualmente abordados. Numa perspectiva comparativa, o autor examina o ambiente continental e internacional para melhor contextualizar o problema de Cabinda.

A economia de Cabinda e o papel do petróleo na economia de Cabinda e de Angola merecem uma abordagem exaustiva. O autor propõe ainda a discussão de uma estratégia económica para Cabinda.

A obra discute a solução da autonomia e de descentralização nas suas múltiplas facetas. A discussão começa com a avaliação da administração colonial e da administração pós-independência, a apreciação do modelo de chefia e da estrutura política tradicional e a luta das províncias angolanas pela autonomia e pela descentralização. A autonomia e a descentralização são tratados na perspectiva de um poder local autónomo e de uma descentralização de políticas económicas. Nesta óptica, o autor examina os modelos de autonomia de Portugal, da África do Sul e de Espanha."




Do ÍNDICE:

Dedicatória

I. O PROBLEMA DE CABINDA
1. Cabinda e os cabindas
2. As forças políticas e militares
3. As teses independentistas e autonomistas
4. As tentativas de fragmentação e de federalização
5. A evolução político-militar
6. A igreja e o problema de Cabinda
7. A miragem das eleições e da democracia
8. As negociações

II. A ECONOMIA DE CABINDA
1. A estrutura e as actividades económicas de Cabinda
1.1 - Infraestrutura
1.2 - Principais sectores económicos
1.3 - Situação financeira
2. O petróleo na economia de Cabinda e de Angola
2.1 - As concessões offshore
2.2 - As concessões onshore
3. A nova ordem mundial do petróleo
4. A estratégia económica de Cabinda

III. A AUTONOMIA E A DESCENTRALIZAÇÃO
1. O domínio e a administração colonial
2. A administração das armas
3. A chefia e a estrutura política tradicional. O caso Ovimbundu
4. A luta pela autonomia e pela descentralização
5. A (re)estruturação da administração pública
6. O poder local
7. A autonomia e a descentralização
8. Três modelos de autonomia
8.1 - As províncias autónomas da África do Sul
8.2 - As regiões autónomas de Portugal
8.3 - As comunidades autónomas de Espanha
9. A descentralização de políticas económicas

Índice de Quadros
Índice de Caixas
1. Tratado de Chinfuma
2. Petição para a assinatura do Tratado de Simulambuco
3. Tratado de Simulambuco
4. Constituição Política da República Portuguesa de 1933
5. Acordos de Alvor
6. O Plano de Angola do Sul
7. Porto de Cabinda
Índice de Figuras




Preço: 77,50€;

Descolonização & Ultramar - 'OS ÓRFÃOS DE PORTUGAL', de Eduardo de Almeida Navarro - Brasil 2013 - MUITO RARO;



Descolonização & Ultramar - As características dos territórios do antigo Estado Português da Índia, em relatos directos pelos seus actuais habitantes


'OS ÓRFÃOS DE PORTUGAL
(Entrevistas com habitantes das ex-colónias portuguesas da Índia)'

De Eduardo de Almeida Navarro
Editora Livre Expressão
Brasil 2013


Livro com 202 páginas, ilustrado e em muito bom estado de conservação. Novo. Excelente.
De muito difícil localização.
MUITO RARO.


Da contracapa:
"Em Dezembro de 1961, Portugal perdia as suas colónias na Índia. Depois de mais de 400 anos de presença lusitana naquele subcontinente, os territórios de Goa, Damão e DIU foram anexados pela União Indiana. Milhares de pessoas falantes de português viram, da noite para o dia, a perda do poder estatal que garantia sua língua, sua religião e seus outros valores culturais. Este livro relata a nostalgia e a dor de muitas delas, ainda saudosos do tempo do Estado Português da Índia."


Da badana:
'Em 2005, o autor permaneceu em Goa, na Índia, com o fito de realizar pesquisas junto do Xavier Centre of Historical Research. Depois de uma longa viagem por todo o país, iniciou a gravação de entrevistas com indianos que falam português desde o seu nascimento, as quais foram completavas em viagens posteriores.'


O AUTOR:
"EDUARDO DE ALMEIDA NAVARRO é professor associado da USP, onde ensina Tupi Antigo e Língua Geral.
É autor de 'MÉTODO MODERNO DE TUPI ANTIGO' e de 'DICIONÁRIO DE TUPI ANTIGO, entre outros livros. "




Do ÍNDICE:

PRÓLOGO

INTRODUÇÃO
- Os portugueses na Índia
- O ambiente físico e humano da antiga Índia portuguesa
- A Igreja Católica na Índia portuguesa
- A antiga Índia portuguesa: uma identidade diferente da indiana justificaria a condição colonial?
- A tomada de Goa, Damão e DIU pelos indianos em 1961 e seus antecedentes
- O período pós-colonial de Goa, Damão e DIU e as consequências políticas e sociais do fim da Índia portuguesa
- Goa poderia ter-se convertido num país independente?
- Após a anexação de Goa, Damão e Diu à Índia: que resta da cultura e das instituições de matizes lusitanas naquele país?

ENTREVISTAS EM PORTUGUÊS FEITAS EM GOA (Julho de 2005)
- Padre Eufemiano Miranda, de Panjim, Goa, 61 anos;
- Sr. Moussa Aga, muçulmana, advogada, Panjim, 61 anos;
- Sr. Clifton Murvin Afonso, PanjiM, Goa, 20 anos;
- Sr. Percival Noronha, historiador, Panjim, Goa, 82 anos;
- Sr. Domingos Monteiro, engenheiro, Panjim, Goa, 63 anos;
- Sr. Sadananda Naike, induista, Panjim, Goa,m86 anos;

ENTREVISTAS EM PORTUGUÊS FEITAS EM DAMÃO (Julho de 2005)
- Sr. Victor Fernandes, aposentado, Damão, 60 anos;
- Sr.a Maria das Graças Lopes e Rocha, música, Damão;
- Sr. Jude Rocha, Damão, 66 anos;
- Sr. Narciso do Rosário, ex-militar, Damão;
- Sr.a Maria Luísa Sousa Mornes, professora, Damão;
- Sr.a Maria da Conceição Ramos Guedes, Damão, 47 anos;
- Sr. Carpo Fernandes e Maria do Carmo Fernandes, Damão;

ENTREVISTAS EM PORTUGUÊS FEITAS EM DIU (Janeiro de 2008)
- Sr.a Zélia dos Remédios, enfermeira, Diu, 61 anos;

Bibliografia sumária



Preço: 35,00€;

Ultramar - 'BOLETIM CULTURAL da GUINÉ PORTUGUESA', n. 109, de Janeiro de 1973 ('ASPECTOS E TIPOS DA GUINÉ PORTUGUESA') - Porto 1973 - Muito Raro;




Ultramar - A realidade colonial e histórica portuguesa na então província da Guiné


'BOLETIM CULTURAL da GUINÉ PORTUGUESA', n. 109, de Janeiro de 1973
('ASPECTOS E TIPOS DA GUINÉ PORTUGUESA')

Porto 1973


Livro com 196 páginas, muito ilustrado e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito difícil localização.
Muito Raro.



Do ÍNDICE:

- 'BOLAMA AS A PROSPECTIVE SITE FOR AMERICAN COLONIZATION IN THE 1820's AND 1830's'
By George E. Brooks
INTRODUCTION
African and European competition for BOlama, 1700-1791
The British Settlementon Bolama, May 1792 - November 1793
Bolama, 1793-1820
American Colonization Societies and Bolama

- 'FOLCLORE DE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE', por Fernando Reis

- 'ZIGUINCHOR ET SON PASSE (1646-1920)', pour Christian Roche

- 'A SEGUNDA MISSÃO FRANCISCANA NA GUINÉ PORTUGUESA'
De Henrique Pinto Rema

- 'ASPECTOS E TIPOS DA GUINÉ PORTUGUESA'
De Alfredo Garrido Ferreira

- Crónica da Província, de Alfredo Ferreira
- Notas e informações
- Economia e Estatística
- Publicações diversas
- Movimento da Biblioteca Nacional



Preço: 27,50€;

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Moçambique & FRELIMO - Revista 'TEMPO', edição especial, de Dezembro de 1981 ('O ENCONTRO - Portugal e Moçambique com SAMORA E EANES) - Maputo - MUITO RARO;





Moçambique & FRELIMO - Uma edição especial da revista moçambicana dedicada por completo à visita do então Presidente da República portuguesa ao novo país, colónia durante cerca de 500 anos e independente desde 25 de Junho de 1975


Revista 'TEMPO', edição especial, de Dezembro de 1981
('O ENCONTRO - Portugal e Moçambique com SAMORA E EANES)

Maputo 1981

Editada em Maputo, tendo como director, Albino Magaia.
Textos de: Leite Vasconcelos, Carlos Cardoso, Alves Gomes, Gulamo Khan, Fernando Lima e António Makwala.
Fotos de: Ricardo Rangel, Kok Nam, Carlos Calado, Luís Souto e Armindo Afonso.


Revista com 80 páginas, muito ilustrada e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


Temas da edição especial:

- 'O ENCONTRO - Moçambique / Portugal'
Presidente da República de Portugal General Ramalho Eanes em encontro em Maputo com Samora Machel

- 'O SENTIDO DA HISTÓRIA'

- '...E O POVO QUIS A FESTA', por Fernando Lima

General António Ramalho Eanes
- 'UM HOMEM DE CORAGEM', por António Makwala
Noções semelhantes
A relação entre os dói presidentes

- 'AS NAÇÕES NASCEM DA LUTA'
Discurso do Presidente Samora Machel
- Uma visita que interessa ao mundo
- Sem independência não há paz
- A luta aproximou os nossos povos
- Atenção especial às relações com Portugal
- Um país de bem-estar
- Política externa de Moçambique
- Cooperaçãc / igualdade

- 'DUAS SOBERANIAS QUE SE RESPEITAM'
Discurso do Presidente Ramalho Eanes
- Para uma relação justa
- Cooperaçãc multilateral
- Princípios da política externa portuguesa
- Política portuguesa na África Austral
- Por todos os meios solução para Timor-Leste

- 'A ISTIRELA ESTÁ A BRILHAR...', por Gulamo Khan

- 'TRÊS ACTOS - UMA MENSAGEM'
'Os Heróis da Liberdade são Heróis da Humanidade'
'Partilhar a História dos homens'
'E a espada foi entregue em paz'

- 'O CORAÇÃO TEM RAZÕES QUE A LEI DESCONHECE'
Um estatuto afectivo especial
Ser ou não ser português
- "O segundo caso é o do comerciante e agricultor Braz da Costa, residente em Lichinga no Niassa. No fim dos anos sessenta já ele, como português antifascista e anticolonialista apoiava a FRELIMO passando informações preciosas ou mesmo dando guarida aos guerrilheiros. Pagou com a solidariedade para com o povo moçambicano: a PIDE enviou-lhe uma encomenda-bomba que lhe destruiu as mãos."
Da desconfiança à amizade
O elo principal

- 'COOPERAÇÃO ECONÓMICA: UM MAR DE POSSIBILIDADES'
Agricultura, Indústria, Construção civil, Pescas, Indústria alimentar, Turismo, Construção naval, Transportes, Minas, Financiamento, Cultura (Ilha de Moçambique, um projecto da RPM ao qual Portugal não é alheio)

- 'VANTAGENS MÚTUAS E COMPLEMENTARIDADE'
Perspectivas
Cooperaçãc trilateral

- "NÃO MAIS SE JUSTIFICARÃO COMPLEXOS"
Improviso do Presidente Ramalho Eanes no banquete de retribuição

- "OS QUE MORRERAM CONSTRUÍRAM A PONTE DA UNIDADE'
Improviso do Presidente Samora Machel no banquete de retribuição

- 'AMIZADE SEM AMBIGUIDADES', por Carlos Cardoso
Duas coisas inseparáveis
Para que não haja hipocrisia...
Para um relacionamento sem complexos

- INSTANTÂNEOS
- 'UMA GRANDE LIÇÃO'



Preço: 70,00€;