terça-feira, 31 de dezembro de 2019

África & Guerra Colonial - 'MEMÓRIAS DE UMA GUERRA (Moçambique 1970/72)', de José Hilário G. Lima - Viana do Castelo 2014 - RARO;




África & Guerra Colonial - Um álbum em que o autor faz um relato circunstanciado da vida militar no período do conflito que ocorreu nas colónias africanas, desde a mobilização à recruta, passando pela viagem e a chegada a Moçambique e a deslocação para o cenário de guerra


'MEMÓRIAS DE UMA GUERRA (Moçambique 1970/72)'
De José Hilário G. Lima
Edição Centro de Estudos Regionais
Viana do Castelo 2014


Livro de capas duras, com 180 páginas, muito ilustrado e em muito bom estado de conservação. Exemplar novo. Excelente.
De muito difícil localização.
RARO.


Da contracapa:
" 'MEMÓRIAS DE UMA GUERRA'
Há memórias que ocupam um recanto da nossa existência. Há memórias que incorporamos é que nos tomam. 'A guerra é doce para quem não a experimentou', disse Pindaro. João Hilário Lima, à semelhança de milhares de homens da sua geração, conheceu o travo amargo da guerra. Por isso fala na primeira pessoa da pulsão destruidora, da brutalidade e da iminência da morte. Experiência intensa, a guerra acode continuamente à sua memória e, como se já não coubesse dentro do seu ser, verte-se em poemas. O livro, mais do que um repositório de saudade ou de pranto, é um exercício de catarse. O autor, apoderado pela memória do soldado sem apresto que foi desapropriado da sua rotina quotidiana no Alto Minho e obrigado à imersão num cenário daninho e cruel, algures em Moçambique, retrata a participação num conflito que não entende. Dessa experiência febril e neurótica, que esgotou a sua juventude, partilha fragmentos quer em versos quer em imagens interiorizadas. 'MEMÓRIAS DE UMA GUERRA' reconforta o autor, como outrora o fizeram a fotografia da família e as missivas trocadas. Escavados os estratos mais profundos da memoração, o livro é um hino à vida, plena de conteúdo, é um contributo para a memória coletiva da Guerra Colonial.

José Carlos Loureiro"


"Há momentos que marcam, indelevelmente, a vida de uma pessoa. Uns, felizes, outros, dramaticamente lancinantes. Mas são estes que muitas vezes perduram nos escaninhos da consciência, com ânsias de libertação já que nem o inexorável tempo os faz esquecer.

'MEMÓRIAS DE UMA GUERRA', para além do testemunho histórico da vivência colectiva duma época dramática e sofrida, é uma tentativa de libertação interior das marcas deixadas por uma história recente que desgastou a juventude de Portugal, deixando em lágrimas até à eternidade famílias hoje votadas ao esquecimento.

O autor João Hilário Gonçalves Lima sabe que recordar é viver, e escrever é projectar na história as vivências do tempo, mantendo presente a homenagem aos seus heróis. Parabéns.

Manuel Inácio Rocha"




Do ÍNDICE:

PREFÁCIO
Por Albino Ramalho

BART 2901 - BATALHÃO DE ARTILHARIA
Breve historial

MEMÓRIAS DE UMA GUERRA
- Recrutas...marchar !
- Mobilizados
- Aquele adeus
- Lágrimas
- Mar revolto
- Sol de pouca dura
- Odisseia no mar
- Momentos de aflição
- Rumo a Cabo Verde
- 'Férias no Mindelo'
- Reembarque
- Do mar para a picada
- O primeiro sangue derramado
- De Mocímboa a Nangololo
- Da picada à enfermaria
- Patrulhamento
- O reabastecimento
- Picadores de Miteda
- Memória ofuscada
- O Comando
- Aquartelamento
- O dia mais fatídico
- Aqueles que não voltaram
- Os estropiados
- A cozinha e o refeitório
- Os balneários
- Aos domingos
- Correspondência
- Aerograma
- Natal do soldado
- Sofrimento de mãe
- A sina que nos foi traçada
- A saída do planalto
- Montepuez
- Mamãe
- Embondeiro
- M.N.F. e C.V.
- Visão de um governante
- Outros heróis
- Enfim !...chegou o dia
- O regresso
- Convívios
- Conclusão
- Agradecimentos
- DISCURSO DE DESPEDIDA DO COMANDANTE DO BART 2901

POSFÁCIO
BIOGRAFIA



Preço: 42,50€;

Angola & Literatura - 'TROVAS EM LOUVOR DE NOVA LISBOA' - AAVV - Nova Lisboa 1962 - MUITO RARO;





Angola & Literatura - Uma colectânea de poesia de autores portugueses e angolanos editada nos inícios da década de sessenta pelos serviços culturais da Câmara Municipal de Nova Lisboa


'TROVAS EM LOUVOR DE NOVA LISBOA'
- AAVV
Fotos de António de Sousa e A. Corte-Real
Edição do Departamento Cultural
da Câmara Municipal de Nova Lisboa
Nova Lisboa 1962


Livro com 104 páginas, muito ilustrado e em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO, MUITO RARO.


Da Apresentação:
"Pareceu oportuno dar a público, neste ano em que se comemora o cinquentenário da fundação de Nova Lisboa, o contributos dos poetas que, desde 1949, a têm cantado, em quadras soltas, através dos vários concursos literários neste lapso de tempo realizados.

São apenas 50 composições, escolhidas entre as mais expressivas, formando policromo ramalhete de modestas violetas e cosmos plebeus, que os nossos trovadores depõe aos pés da jovem cidade em homenagem singela, mas sentida, pelo seu 50. aniversário."




Colaboraram nesta edição:
- Alberto Lopes de Melo;
- António da Costa Santos;
- António Luís Magalhães Martins;
- Artur Fernando Borges de Melo;
- Artur Oliveira de Carvalho;
- Celso Serrão França;
- Dália de Oliveira Coimbra Magiolle;
- Eduardo José da Costa Figueira;
- Faustino dos Reis Sousa;
- Fernando Humberto Pacheco;
- Herculano Gomes;
- Judite Júlia de Almeida Figueiredo David;
- Julieta Fatal;
- Manuel de Jesus Pinto;
- Maria Aurora Perestelo Ferreira;
- Maria da Conceição Teixeira de Sousa;
- Maria Luísa Pavão Macedo;
- Mário Graça;
- Rui Borges Alexandrino;
- Tolstoi Lusitano Nunes Moita;
- Vera Simões Correia Bastos;



Preço: 42,50€;

África - Descolonização & Ultramar - 'OS RETORNADOS - Um estudo sociográfico', de AAVV - Lisboa 1984 - MUITO RARO;



África - Descolonização & Ultramar - Um importante estudo sobre a origem e destino dos portugueses regressado sedas ex-colónias e designados por retornados


'OS RETORNADOS - Um estudo sociográfico'
De AAVV - R. Pena Pires, M. José Maranhão, João P. Quintela,
Fernando Moniz e Manuel Pisco
Prefácio de Manuel Silva
Edição do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento
Lisboa 1984


Livro com 228 páginas, com inúmeros quadros e em bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO RARO.


Da NOTA DE APRESENTAÇÃO:
"O presente estudo resulta de um projecto de investigação promovido pelo INSTITUTO DE ESTUDOS PARA O DESENVOLVIMENTO e realizado no âmbito do Programa de Actividades do seu Departamento de Estudos Económicos."



Do ÍNDICE:

NOTA DE APRESENTAÇÃO
Agradecimentos

PREFÁCIO
De Manuela Silva (Janeiro 1987)

1. INTRODUÇÃO - R. Pena Pires
1.1 porque estudar o retorno ?
1.1.1 - Retorno e movimentos da população
1.1.2 - Retorno e difusão de novos valores e comportamentos
1.1.3 - A integração dos retornados
1.2 O retorno no contexto europeu dos processos de repatriamento
1.3 Objectivos deste trabalho
Notas

2. CARACTERIZAÇÃO DA POPULAÇÃO RETORNADA - R. Pena Pires, M. J. Maranhão e João G. P. Quintela
2.1 Introdução
2.2 Origem
2.3 Distribuição regional
2.3.1 - Principais zonas de fixação
2.3.2 - Relação entre a naturalidade dos retirnados e a sua residência actual
2.4 Estruturas demográficas
2.4.1 - Estrutura por idade e sexo
2.4.2 - Elementos sobre o estado civil e a estrutura da família
2.4.3 - Elementos sobre o impacte do retorno na dinâmica demográfica da população portuguesa
2.5 Considerações sobre a religião declarada
2.6 Formação escolar
2.7 Os retornados na população activa portuguesa
2.7.1 - Os retornados e a actividade económica
2.7.2 - Ramos de actividade e situação na profissão
2.7.3 - Inserção profissional
2.7.4 - Impacte regional

3. AVALIAÇÃO DOS PROGRAMAS DE APOIO FINANCEIRO À POPULAÇÃO RETORNADA - F. Moniz e M. Pisco
3.1 Introdução
3.2 O Programa de crédito C.I.F.R.E.
3.2.1 - Os objectivos
3.2.2 - Funcionamento do programa e acesso ao crédito
3.2.3 - Resultados globais
3.2.4 - Distribuição regional do financiamento
3.2.5 - Projectos de mais de 5,000 contos na indústria transformadora
3.3 Outros programas
3.3.1 - O programa de crédito à habitação própria
3.3.2 - O programa para a criação de postos de trabalho da 'CARITAS' portuguesa

Anexos ao capítulo 2
Anexo I - Avaliação dos dados do Recenseamento Geral da população retornada
Anexo II - Dados estatísticos sobre a população retornada



Preço: 47,50€;

África & Descolonização - 'GUIA COMERCIAL DO RETORNADO' - AAVV - Amadora 1979 - Muito raro;



África & Descolonização - Uma grande recolha do paradeiro e actividade profissional das populações de portugueses retornados das ex-colónias, aquando do seu regresso precipitado para Portugal nos anos de 1974, 75 e seguintes


'GUIA COMERCIAL DO RETORNADO'
- AAVV -
Edição 3 CAR - Carlos, Cardoso & Carlos, Representações, L.da
Amadora 1979


Livro com 194 páginas e em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito, muito difícil localização.
MUITO RARO.


Da INTRODUÇÃO:
"Quando - há um ano - estava calmamente a saborear a 'bica' num café da baixa lisboeta, veio-me à ideia a minha querida Luanda. Fechei os olhos e, num instante, deixei passar na minha imaginação turbilhões de pensamentos, recordando amigos, conhecidos, e até lugares que nunca mais vi. Assim permaneci por instantes, totalmente alheio ao que me rodeava, olhando o infinito, sem me aperceber sequer do labirinto originado pelo ruído natural no ambiente do café. Quando voltei à realidade acendi um cigarro e fumei, repleto de raiva, como se pudesse vingar-me de tudo e de todos que originaram esta separação tão prematura.

Agora, tomado por aquele sentimento de revolta, recordei, rapidamente, os sofrimentos provocados pela 'exemplar descolonização'. Fechei os olhos e relembrei quadros repletos de tristeza humana, como aquele com que deparei no aeroporto da Portela quando cheguei ou as bichas da Junqueira, S. Ciro, Fontes Pereira de Melo e tantos outros locais, premeditadamente concebidos para separar e dividir portugueses.

Confesso, naquela manhã fria de Novembro, o meu espírito estava triste e só como nunca. Sentia-me céptico, respirava vingança, fervia-me o ódio ao extremo não sentir força para me libertar. Levantei-me e fui comprar o jornal. Abri-o e, estupefacto, deparei com um anúncio cujo objectivo era a elaboração de um 'Guia Comercial do Retornado'. Cuidadosamente analisei o teor do anúncio, nomeadamente, quem o subscrevia. Embora não deslumbrasse 'à priori' um negócio de oportunidade, fiquei na dúvida. Em boa verdade pessoas houve que à sombra dos desalojados criaram bons negócios e recordo, a título de exemplo, os hóspedes em casas particulares, restaurantes, pensões, hotéis, etc, etc, a quem o IARN pagava sem qualquer contrapartida. O IARN, essa instituição vergonhosa que foi um ninho de oportunistas, cujos inquéritos e auditorias nunca foram (e serão?) conhecidos nem claras.

Falei a amigos dessa iniciativa e muitos havia que já tinham conhecimento. Fiquei satisfeito. Decorridos alguns dias soube em pormenor quem se propunha editar o 'Guia Comercial do Retornado'. Afinal, eram pessoas bem conhecidas em Luanda.

Procurei-as. Falámos acerca da emissão. Trocámos impressões. Falaram-me das dificuldades surgidas. Dei-lhes o meu apoio. Acarinhei a ideia, era uma obra útil que se impunha.

Decorrido um ano - ironia do destino - é-me oferecida a oportunidade para escrever a introdução.

(...)
Edmundo A. Pires (economista)"




Do ÍNDICE

INTRODUÇÃO


LOCALIZAÇÃO ANTERIOR
ANGOLA
- Distrito de Benguela
- Distrito do Bié
- Distrito do Cubango
- Distrito do Cunene
- Distrito do Huambo
- Distrito da Huíla
- Distrito de Luanda
- Distrito da Lunda
- Distrito de Malange
- Distrito de Moçâmedes
- Distrito do Moxico
- Distrito do Cuanza-Norte
- Distrito do Cuanza-Sul
- Distrito do Uíge
- Distrito do Zaire

MOÇAMBIQUE
- Distrito da Beira
- Distrito de Cabi Delgado
- Distrito do Chimoio
- Distrito de Gaza
- Distrito de Inhambane
- Distrito do Limpopo
- Distrito de Lourenço Marques
- Distrito de Manica e Sofala
- Distrito de Moçambique
- Distrito de Nampula
- Distrito de Tete
- Distrito da Zambézia

GUINÉ
- Distrito de Bissau

REPÚBLICA DO ZAIRE
- Distrito de Ubangui


LOCALIZAÇÃO ACTUAL EM PORTUGAL CONTINENTAL
Lisboa (cidade)
- Residentes
- Lista classificada
Porto (cidade)
- Residentes
- Lista classificada

Zona Norte - Residentes
- Distrito de Braga
- Distrito de Bragança
- Distrito do Porto
- Distrito de Viana do Castelo
- Distrito de Vila Real
Zona Norte - Lista classificada

Zona Centro - Residentes
- Distrito de Aveiro
- Distrito de Castelo Branco
- Distrito de Coimbra
- Distrito da Guarda
- Distrito de Viseu
Zona Centro - Lista classificada

Zona Sul - Residentes
- Distrito de Évora
- Distrito de Faro
- Distrito de Leiria
- Distrito de Lisboa
- Distrito de Portalegre
- Distrito de Santarém
- Distrito de Setúbal
Zona Sul - Lista classificada


LOCALIZAÇÃO EM MADEIRA E AÇORES
- Residentes
- Lista Classificada


LOCALIZAÇÃO ACTUAL NO ESTRANGEIRO
- Residentes



Preço: 32,50€;

Portugal & Estado Novo - 'ELEMENTOS PARA A HISTÓRIA DA PIDE' - AEPPA - Lisboa 1976 - MUITO RARO;



Portugal & Estado Novo - Uma edição de elementos sobre a polícia política do regime deposto a 25 de Abril de 1974, inédita até então a pouco mais de dois anos desses acontecimentos


'ELEMENTOS PARA A HISTÓRIA DA PIDE'
- AEPPA
Edição da Associação de Ex-Pressos Políticos Antifascistas
Lisboa 1976


Livro com 42 páginas, ilustrado e em muito bom estado de conservação.
De muito, muito difícil localização.
MUITO RARO.



Do ÍNDICE:

Dedicatória

Capitulo I
- INTRODUÇÃO

Capitulo II
- CRONOLOGIA DA PIDE/DGS
Nota prévia à Cronologia

Capitulo III
- ORGANIGRAMA DA PIDE

Capitulo IV
- MÉTODOS DE TORTURA UTILIZADOS PELA PIDE
Antes da tortura
Interrogatório

Capitulo V
- OS QUADROS DA PIDE E A SUA ORIGEM
Origem geográfica
Origem profissional
Quadro único da ex-PIDE/DGS
Número de efectivos
As habilitações literárias
'Doutrinação Política'



Preço: 32,50€;

Angola & Timor - Descolonização - 'SAL DA VIDA', de José Manuel Bento Sampaio - Lisboa 2011 - RARO;





Angola & Timor - Descolonização - Memórias do autor, desde o serviço militar em Nova Lisboa / Huambo em 1975 até Timor, enquanto médico da AMI e a sua actividade política em Almeirim


'SAL DA VIDA'
De José Manuel Bento Sampaio
Edição Padrões Culturais
Lisboa 2011


Livro com 214 páginas e em muito bom estado de conservação. Como novo. Excelente.
De muito difícil localização.
RARO.


SINOPSE:
"Fui um andarilho de alguns países de África e de Timor Leste, movido pelo mesmo desejo de ser útil e de colocar os meus conhecimentos médicos ao serviço do semelhante. Percorri muitos milhares de quilómetros como médico militar, médico da AMI ou simples viajante, misturado com o povo, usando os seus meios de transporte, entrando nas suas casas, bebendo do seu chá ou do seu vinho, aprendendo os seus hábitos e culturas, partilhando as suas alegrias e tristezas, assistindo a nascimentos e mortes, presenciando o drama comum e trágico duma pobreza sem fim à vista. Sou portador de estórias vivenciadas que julgo de interesse contar, sou portador de pedaços de vida que precisam do traço unificador da escrita para fazerem sentido, do mesmo modo que as tintas do artista plástico são unificadoras do conjunto de elementos que compõem um quadro.» Muito mais do que o relato da vida de um médico, este livro apresenta para cada um dos países um enquadramento histórico, económico, social e geográfico que o torna um autêntico roteiro de uma boa parte do universo lusófono."


Preço; 0,00€; (Indisponível)

Descolonização - Angola, Guiné & Moçambique - Semanário 'SEMPRE FIXE', n. 7, de 18 de Maio de 1974 ('NEGOCIAÇÕES EM LONDRES PARA A PAZ NA GUINÉ') - Lisboa 1974 - MUITO RARO;






Descolonização - Angola, Guiné & Moçambique - As negociações com o PAIGC lideraras do lado português por Mário Soares, o líder do Partido Socialista e Ministro dos Negócios Estrangeiros


Semanário 'SEMPRE FIXE', n. 7, de 18 de Maio de 1974
('NEGOCIAÇÕES EM LONDRES PARA A PAZ NA GUINÉ')

Lisboa 1974


Jornal com 16 páginas (1. caderno) e 8 páginas (2. caderno), em muito bom estado de conservação. Excelente.
De muito difícil localização.
MUITO RARO.



Temas em destaque:

25 de Maio
- 'NEGOCIAÇÕES EM LONDRES PARA A PAZ NA GUINÉ'
O governo português e o PAIGC iniciarão, no próximo dia 25 em Londres, negociações para um cessar-fogo na Guiné. A notícia foi divulgada em Lisboa ontem à noite pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros do Governo Provisório, Dr. Mário Soares, pouco depois de ter regressado duma viagem relâmpago a Dacar, onde se avistou com o líder daquele movimento de libertação, Aristides Pereira.
O Dr. Mário Soares, que imediatamente após ter tomado posse no seu cargo de membro do Governo Provisório partiu para o Senegal, regressou ontem, a tempo de participar na segunda parte do Conselho de Ministros.
- Angola e Moçambique
- A ONU ajudará nas negociações
- O 'LE MONDE' e o encontro Mário Soares e Aristides Pereira
- A FRELIMO está a estudar o cessar-fogo
- O M.P.L.A reticente

Conferência de imprensa do P.C.P.
- 'A ACTUAÇÃO DA EXTREMA-ESQUERDA PODE FAZER O JOGO DA REACÇÃO'
O 'AVANTE' procurará servir o povo

- 'SECRETÁRIO-GERAL DO P.P.D. - Francisco Sá Carneiro'

- 'PARTIDO SOCIALISTA PORTUGUÊS'
Uma política económica ao serviço do trabalhador

Socialismo nórdico
- 'A DEMOCRACIA INDUSTRIAL NA NORUEGA'

Depoimento de Rui Mendes
- 'A CASA DO GRUPO 4 AMEAÇADA PELA BUROCRACIA'

Leitura
- 'A CIA DE SINÉ' PUBLICADA EM PORTUGAL'

- 'SINES: PELA ÓPTICA DE SINES', de Francisco de Sequeiros

2. CADERNO
- 'SPÍNOLA: O ABRAÇO DO POVO'
Festa em Queluz na posse de Spínola

- 'APENAS QUINHENTOS MUÇULMANOS EM LISBOA E MILHÕES NO ULTRAMAR'
Comunidade islâmica em Lisboa
Na Câmara Corporativa
Não coerção

- 'FÁTIMA SERÁ CRISTIANISMO?'



Preço: 27,50€;