sexta-feira, 12 de maio de 2017

África & Rodésia - 'CASA DE PEDRA', de Cristina Lamb - Lisboa 2009 Raro



África & Rodésia - A história verídica de uma família dividida no Zimbabwe devastado pela guerra


'CASA DE PEDRA'
De Cristina Lamb
Edição Pedra da Lua
Lisboa 2009


Livro com 288 páginas, muito ilustrado e como novo. Em excelente estado de conservação.
De difícil localização.
Raro.


Da contra-capa:
"Que existem sempre duas versões para a mesma história nunca foi tão bem ilustrada como neste fascinante livro"
'DAILY MAIL'

"Numa manha de sol, Nigel Hough, um dos últimos fazendeiros brancos do Zimbabwe de Mugabe, recebeu a notícia que temia - junto ao portão da sua fazenda, um grupo de negros exigiam que lhe entregasse a casa e as propriedades. Para seu horror, identificou Aqui a a sua empregada estimada por toda a família liderando a multidão em fúria que lhe ocuparia as terras.
Ao reconstituir as vidas cruzadas de Nigel Hough e Aqui - rico e pobre, branco e negra, patrão e empregada - através de entrevistas íntimas e comoventes, Christina Lamb não só identifica as causas de um terrível conflito como nos transmite a sua convicção íntima de que ainda há esperança num dos mais belos países do continente africano.
(...) Nunca compreendi porque razão os zimbabweanos não se revoltam contra o seu líder, como fizeram os povos da Jugoslávia e da Ucrânia. Irritava-me que continuassem a perguntar porque razão o mundo exterior não intervinha, quando eles próprios nada faziam para melhorarem a sua situação. Porém, naquele momento em Kambu Zuma, ao ver as pessoas a queimar os seus haveres, amedrontadas, compreendi pela primeira vez até que ponto o regime de vinte e cinco anos de Mugabe tinha oprimido a população. Na manhã seguinte tomei um café com Nelson Chamisa, o jovem líder do Partido de oposição, o Movimento para a Mudança Democrática. contrariando a sua reputação de agitador incansável, Chamisa mantinha os olhos pregados na chávena, parecendo absolutamente derrotado. 'Agora, o povo jamais se rebelará', disse ele. 'Mugabe pode fazer o que muito bem quiser´. Christina Lamb"



Do ÍNDICE:
- MAPA;
- PRÓLOGO;
1. - Kraal de Zhakata, 1970;
2. - Fazenda Riverdale, Headlands, 1971;
3. - Kraal de Zhakata, 1973;
4. - No comboio para Salisbury, 1974;
5. - Kraal de Zhakata, 1974;
6. - Salisbury, 1976;
7. - Marondera, 1980;
8. - Salisbury, 1980;
9. - Dombotombo, Marondera, 1986;
10. - Victoria Falls, 1990;
11. - Marondera, 1993;
12. - Guanghzou, China 1991;
13. - Marondera, 1999;
14. - New Life Centr Church, Marondera, 16 de Abril de 2000;
15. - Kraal zhakata, 2001;
16. - Fazenda Kendor, Maio de 2002;
17. - Fazenda Kendor, 5 de Agosto de 2002;
- ADENDA;
- EPÍLOGO: GRANDE ZIMBABWE, NOVEMBRO DE 2005;
- ILUSTRAÇÕES;
- CRONOLOGIA;
- GLOSSÁRIO;
- AGRADECIMENTOS;



A AUTOR:
"Christina Lamb destacou-se como correspondente de guerra em jornais como o 'SUNDAY TIMES', tendo publicado artigos sobre o Zimbabwe desde 1994 e visitado frequentemente o país, correndo enormes riscos, pois a imprensa britânica está proibida de lá entrar. Foi a primeira jornalista a denunciar os campos de tortura de Mugabe e a Operação Murambatswina ('Limpem o Lixo'). Lamb foi declarada pelo regime de Mugabe como inimiga do Estado."


Preço: 17,50€;

Sem comentários:

Enviar um comentário

APÓS A SUA MENSAGEM INDIQUE O SEU E-MAIL E CONTACTO TELEFÓNICO
After your message, please leave your e-mail address or other contact.