sábado, 14 de janeiro de 2017

Angola & MPLA - 'ANGOLA - A TERCEIRA ALTERNATIVA', de Marcolino Moco - Luanda 2012 - RARO




Angola & MPLA - O pensamento estratégico e politico do antigo primeiro ministro do governo de Luanda, oriundo da zona tradicional da UNITA


'ANGOLA - A TERCEIRA ALTERNATIVA'
De Marcolino Moco
Marmoco Criações
Luanda 2012


Livro com 90 páginas e como novo. Em excelentes estado de conservação.
De difícil localização.
RARO.


Da contra-capa:
" 'ANGOLA - A TERCEIRA ALTERNATIVA' é uma proposta dirigida a todos os actores políticos e sociais nacionais e internacionais, para que abandonemos o método do arrastamento das coisas 'com a barriga', em defesa dos nossos estreitos e contingentes compromissos pessoais ou de grupo. perigando to um futuro nosso e, sobretudo, o dos nossos filhos e netos. É um estímulo para que os sinais de vontade de diálogo manifestados ultimamente no sentido de resolvermos, de modo novo, os problemas decorrentes dos nossos erros do passado, deixem de ser meros jogos tácticos para depois tudo continuar na mesma."

MARCOLINO JOSÉ CARLOS MOCO - Da badana:
"É internacionalmente reconhecido pelo seu trabalho de intervenção em prol do desenvolvimento político e social de Angola.
Foi Primeiro-Ministro de Angola, e primeiro secretário-executivo da CPLP (Comunidade de Países de Língua Portuguesa).
Nascido na Província do Huambo, em 1953, descende de uma importante linhagem de chefes tradicionais, conhecidos em Angola pela designação de Sobas, um dos quais foi Tchítue, fundador da aldeia onde nasceu. seu pai é hoje um dos Sobas mais influentes do grupo etnolinguístico Ovimbundu.
Militante do MPLA, há 38 anos, onde exerceu diversos cargos de direcção, até ser seu Secretário-Geral.
Moco é advogado, docente e conferencista. Possui diversas obras publicadas nos domínios político, diplomático, e investigação científica no ramo do direito, sendo a sua mais recente obra 'DIREITOS HUMANOS E SEUS MECANISMOS DE PROTECÇÃO: As particularidades do sistema africano'."


Do ÍNDICE:
Dedicatória;
- Em jeito de introdução;
- Antecedentes e oportunidade perdidas para estabilizar o país;
- Caracterização do momento actual e os perigos que comporta para o futuro;
Estrutura de sustentação;
- Natureza do regime em Angola;
- Mudanças em curso e à vista;
O papel da juventude do advento de novos tempos em Angola;
- Entre uma explosão revolucionária e a conclusão da mudança transicional;
- Saídas possíveis;
O papel do Presidente da República em funções;
Eventual papel construtivo do MPLA;
Papel dos partidos da oposição (antes, durante e depois das eleições de 2012);
O papel dos elementos da elite angolana em sectores importantes da vida nacional;
O papel da autoridade moral: igrejas, intelectuais e mais velhos;
O papel da comunidade internacional;
O papel da chamada sociedade civil organizada ou individualizada;
- Ideias sobre a elaboração e prática de uma agenda verdadeiramente nacional: a terceira alternativa;
- Agenda nacional: um método de terceira alternativa;
- Direitos humanos;
- Os governantes não se servem, servem;
- Despartidarizar o Estado-Nação;
- Angola é um país uno mas diverso;
- A questão da alternância;
- Enterrar 'cadáveres psicológicos' e deixar de criar fantasmas;
- Os desvio descarado dos recursos públicos e a corrupção;
- Descentralização, desconcentração e poder local autárquico;
- A independência e interdependência dos poderes de soberania e o carácter estratégico do poder judicial;
- A comunicação social tem que ser aberta e servir a sociedade no controlo do exercício do poder e na promoção da cultura democrática e de tolerância;
- Eleições;

NOTAS DO AUTOR:



Preço: 30,00€;

Sem comentários:

Enviar um comentário

APÓS A SUA MENSAGEM INDIQUE O SEU E-MAIL E CONTACTO TELEFÓNICO
After your message, please leave your e-mail address or other contact.